A Nossa Religião é o Amor

Entender o amor como a religião verdadeira com Deus é bem difícil ainda que não pareça. Se fosse fácil, teríamos um mundo de amor e paz reinando, porém, bem pelo contrário o que vemos é mágoa, ódio e guerras em diversos níveis, sejam elas físicas, psicológicas ou emocionais.

Por que não estamos neste momento espalhando o amor pelo mundo? Por que não aceitamos cada irmão e cada irmã dentro de suas manifestações pessoais, culturais, etno/raciais? Por que não estamos neste momento nos abraçando em um mundo onde todos podem ter sua própria casa, comida e construir sua família, independente de sexualidade e gênero?

Para entender o amor, precisamos entender o “Eu Espiritual”, ou seja, nós como espíritos e com isso nossa origem divina, nossa ignorância sobre as causas e condições da existência, nossa capacidade de aprender e sair dessa ignorância e claro, nossa interdependência com todos os seres. Somente com esse conhecimento é que podemos então entender o porque de o caminho do amor sempre ser a verdade, enquanto o caminho do ódio é o caminho da ilusão materialista.

O livro A nossa Religião é o Amor vem justamente trazer o caminho para esse entendimento, bem como os questionamentos que precisamos nos fazer para entender o amor como a verdadeira religião.

Abaixo você encontra um resumo dos ensinamentos da Irmandade do Lótus contidos no livro A Nossa Religião é o Amor.

Para mais informações adquira nossos livros, apostilas, cursos e siga junto conosco nesta caminhada para encontrar a ascensão.

Publicado por irmandadedolotus

Ainda não quero falar

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: